Já fui muitas coisas. Já estive tantas outras. Já mudei de opinião e me reinventei diversas vezes. Já acertei, já errei, disse coisas em que não acredito mais e acredito em outras que antes não acreditava. Não me envergonho de quem eu fui, de quem eu sou e de quem eu serei. Rio de mim mesma, amadureço, vivo! Hoje sou apenas um bichinho de estimação curioso, ávido por novas brincadeiras e desafios. Um bichinho que gosta de brincar, ronronar, se esfregar, mas que também arranha um pouquinho às vezes. Um bichinho que não sabe se definir, mas que com toda a certeza ainda sabe SENTIR. E eu sinto que eu não posso mais viver sem o BDSM na minha vida. Eu preciso vivê-lo intensamente. Eu preciso me entregar a esse fetiche, esse desejo, essa loucura, como quer que chamem, mas eu preciso. O tempo passa, as coisas e pessoas mudam, mas uma coisa prevalece em mim: Essa vontade que me consome, esse desejo em ter meu corpo dominado, minha mente subjugada, meus desejos cedidos a outro. E eu prossigo, me perdendo em labirintos, abrindo e fechando portas, tentando encontrar uma saída que me leve de encontro aos meus desejos mais secretos.=^.^=

Escrito por princess kitty

A visão de um Mestre 龍戦士

Oi meus miauamores! Esse post foi postado originalmente no blog da minha querida amiga Dorei Fobofílica, em 15/03/2011, mas por causa da nova política do blogger sobre ter links para outros blogs adultos, resolvi traze-lo para cá e criei essa página especialmente para ele.


A visão de um Mestre 龍戦士 
postado por Dorei Fobofílica

Coloquei aqui no blog, dia 12/03 uma postagem (O que significa para um Dono, cuidar de sua submissa/escrava?) e fiquei aguardando os comentários, fiquei imensamente feliz e satisfeita com todos, contudo eu esperava por alguns de Dominadores, só teve um até este momento, o do Mestre 龍戦士,Dono da minha querida amiga Princess Kitty http://miadosbdm.blogspot.com, mas foi tão bom, tão relevante, que pedi autorização para publicá-lo aqui.




Olá minha cara!

Passando aqui, para parabenizá-la pelo post. É um tema muito importante, mas algo que sempre ví, não haver muita discussão sobre. BDSM, ou mais específicamente, a D/s é um tópico que não deixa de ser um fetiche. Cada pessoa, é um universo a parte, portanto óbviamente percebem a D/s e o tema que levantou de forma distinta, não por ser melhor ou pior que o outro, mas por ter uma visão e um desejo diferente.

Quando minha gatinha comentou e elogiou seu post para mim, quis dar uma passada para para vê-lo e óbviamente, comentar meu ponto de vista sobre o assunto. Só não garanto que será breve rsrs.
Vejo a submissão como um ato de entrega para o prazer de ambos. Onde se não houver confiança, carinho, cumplicidade e principalmente zelo e cuidado do Dominador a submissa não desenvolve seu potencial.

Vendo dessa forma, ao perceber que uma pessoa está disposta a dedicar um tempo de seu dia, de sua semana etc, a mim, por desejo, por admiração, por querer me satisfazer, no mínimo, me sinto obrigado e cuidar, mas digo cuidar mesmo, não dar ordens atrás de ordens, mas dedicar um tempo meu lhe dando atenção, ensinando as coisas que sei e ela deseja aprender, respondendo dúvidas, mostrando os prós e contras de cada coisa e situação. E isso não de uma forma egoísta apenas, como fazer, dizer ou explicar apenas o que quero, mas tudo que acho importante, seja isso prazeroso para mim, ou não. Não gosto de "anular" a sub como pessoa, meu gosto é em fazê-la aprender, o máximo possível mesmo que seja algo que não me agrade, pois considero muito mais prazeroso saber que a submissa sabe das coisas que pode me desagradar porém não faz justamente por se sentir submissa, que esconder, e fingir que não existem, em uma tentativa de me mostrar superior
Como disse, cada pessoa tem seu modo de ver a D/s e o meu, não se baseia em dar ordens e esperar que a submissa as acate prontamente, mas conversar, explicar, fazê-la entender e desejar por sí própria.

Dar um ordem e a submissa obedecê-la forçadamente, traz para mim, o sentimento de que ela o faz não por respeito, por admiração, por medo e muito menos por capacidade minha, mas simplesmente por estar presa aos "padrões" de uma relação D/s. Ressalto aqui, que é minha forma de pensar e como eu percebo a D/s em meus anos de prática, e não uma crítica a outras formas de se enxergar a D/s.

Meu prazer está na dominação própriamente dita, não por tê-la previamente. A D/s para mim, se baseia na conquista, na ato da dominação, no ato de subjugar o outro por capacidade e astúcia minha em convencê-la a isso e nada mais, não gosto de assumir um "reino já pronto", gosto de conquistar e criá-lo a partir disso. Como falei, não gosto de "anular" a personalidade de uma submissa de forma a transformá-la em um "objeto inanimado" que responderá "Sim Sr" a qualquer coisa que eu ordene. Prefiro deixar a sub desenvolver sua personalidade ao invés de podá-la, como faço com minha gatinha. Não a censuro quanto a posts ou comments que possa fazer, deixo sua personalidade e seu jeito livres para que inclusive, ela se entenda e descubra como submissa, pois certas coisas, só são aprendidas e desenvolvidas por nós mesmos, não adianta alguém tentar explicar. E ao fazer isso, ao deixá-la viver sua personalidade por completo, mas ao mesmo tempo, se preocupar com o que vai dizer, o que irá fazer, é ótimo!! Pois isso me mostra que tenho o respeito e admiração dela, e principalmente, o carinho dela por mim de forma que não fará coisas para me desagradar. Por isso também, retribuo essa forma de afeto para com ela, pois enquanto vir sua vontade e desejo em me agradar, irei cuidar, ensinar e me preocupar.
A submissa é uma posse de seu Dono, continua sendo uma pessoa, não deve se tornar um objeto, mas não deixa de ser uma posse e como tal, é dever do Dono cuidar e atentar para o que se passa, ouví-la e entendê-la em todos os aspectos de sua vida, mesmo que seja fora da relação e da D/s. Se não cuido, não me atento e não presto atenção ao que se passa com aquilo ou aquela que é minha, como posso esperar que me sirva da forma que desejo?
Preciso como Dono, me atentar ao estado físico e psicológico de minha submissa, considero um dever do Dom se preocupar com isso, Não considero dominação sinônimo de egoismo, mas sim de cuidado, portanto, não acho certo um Dom exigir total dedicação da submissa, em todos os momentos independente daquilo que ela esteja passando, no estilo "ela que se vire, eu tenho os meu problemas". Se minha submissa está com algum problema, chateada ou triste, independente de qual área de sua vida for, vou querer saber, e não vou "bancar o Dom" nesse momento, dando ordens, castigos etc. Vou bancar o Dono, e ouví-la, conversar, tentar animá-la e tentar também ajudar para que resolva seu problema.

Saudações,
龍戦士                  

3 comentários:

princess kitty disse...

Comments postados originalmente no blog da Dorei Fobofílica:

{princess kitty}龍戦士 disse...
Olá minha amada!

Claro que não poderia deixar de vir aqui comentar o post do meu Dono :D

Nem sei o que dizer...só que cada palavra é verdadeira e vai ainda além...Ele me domina e me compreende como ninguém, me ensina e me apoia,desperta meus desejos e fantasias, tem um cuidado que me faz sentir cuidada, protegida e acarinhada a cada momento do meu dia e com isso apesar da minha rebeldia, só penso e desejo poder servi-lo cada vez mais e melhor.

Sou muito feliz por ser SUA, por saber que posso contar com o Sr para o que eu precisar que além de Dono, Dono mesmo, que cuida, acolhe, aconselha , protege, me faz sentir tão SUA, esse pertencer que tanto busquei e nunca havia encontrado até conhece-lo. Com o Sr me sinto realmente posse, sinto que pertenço e isso me faz um bem enorme.

Apesar do meu jeito, das minhas brincadeiras, o Sr sabe como sou de verdade, sou SUA, apenas isso a SUA kitty que o adora demais.

Agora chega, rsrs, não parece eu, já to toda boba e me derretendo aqui pro Sr.

Miaubeijos da SUA kitty =^.^=
15 de março de 2011 08:12


Erótica.plus disse...
Olha ai!! Parabéns agora para a pequena Kitty e seu Dono. Agora fiquei feliz em ler algo tão relevante sobre dono e submissa. Na maioria das vezes, me parece que algumas submissas, como a Dorei já disse, me parecem mais uma peça do que uma mulher apaixonadamente dominada. E confesso que isso me causa uma certa angústia. Mas é aceitável, sou baunilha! rsrs... Parabéns ao Dono da Kityy. Com tanto carinho e respeito assim, até eu poderia pensar nessa forma de amar....kkkkkkkk.
15 de março de 2011 09:44


^^Meauuuu!!!^^ disse...
Meauuuu!
O poder não grita apenas sussurra!
O respeito é a melhor forma de demonstrar autoridade.
Dorei, parabéns pela idéia.
龍戦士 parabéns pela sabedoria.
Princess Kitty parabéns pelo entendimento e compreensão!
Meauuuu!
Please, Help me!
15 de março de 2011 17:53


龍戦士 disse...
Minha cara Dorei.
Bom, primeiramente, gostaria de agradecer o convite e os elogios. Como falei, assim que minha gatinha me comentou de seu post, achei que deveria dar uma passada por aqui.
Levantou um tema interessante, e achei importante mostrar uma das tantas vertentes existentes nos relacionamentos BDSM, que é a minha.
E como disse também, é um assunto de certa forma importante, porém pouco comentado ou discutido, e sua iniciativa, foi ótima. Parabéns!

Minha gatinha,
Como sabe, adoro saber que fica feliz em ser minha, pois eu fico muito feliz em tê-la também. Tive meu jejum SM, e quando voltei, tive a grande sorte de encontrar uma gatinha que entendesse minha forma de dominação e principalmente, se atraisse por ela. Como no comment, BDSM é uma troca, se isso te faz bem, é porque ofereço a dominação que deseja para sí, da mesma forma se fico bem, é porque me entrega a submissão que tanto me atrai.

Saudações a todos, principalmente a Dorei e seu Dono e beijos para minha gatinha feliz em se sentir minha.
龍戦士


15 de março de 2011 22:50
Piment29 disse...
Nossa ... Palavras sábias pode ter certeza. Penso que todo e qualquer tipo de relacionamento deve-se haver a compreensão, respeito e carinho. Se não for assim não dá, não rola ... Bjus Apimentados ... =)
15 de março de 2011 23:49

princess kitty disse...

Comments postados originalmente no blog da Dorei Fobofílica:

~^~ Lena Lopez ~^~ disse...
Oi Dorei!
Depois desse relato, eu até estou pensando em... vamos ver, quem sabe, por que não, acho que sim...
To pensando seriamente!!!
Mas, duvidas minhas a parte, foi uma postagem excelente, bem esclarecedora.
Como disse a Meauuuu, não é necessário truculência para se ter autoridade, no trabalho, em casa, na vida ou no BDSM, a verdadeira autoridade emana do respeito.
A Érotica tem razão o BDSM não é de facil compreensão para nós baunilhas, eu me enquadro entre eles, pois por mais que tenho entendimento do assunto ainda me falta muito e a Pimentinha, disse tudo que além do respeito, é necessário em qq relação, o amor, carinho, compreensão e entendimento.
Quanto ao autor, meu amiguinho Sr. Tatsu (posso chamar assim?) dou-lhe os parabéns pelo equilíbrio e a maneira como mantém a relação. À Kitty, eu não preciso dizer mais nada, ela sabe o quanto a admiro e gosto!
BJOS
Lena
16 de março de 2011 16:28


► JOTA ENE ◄ disse...
ººº
Apenas vim te ler ...
Bjoooo
17 de março de 2011 17:42


Jessica disse...
Oi

Vi o link pra ca no blog da kitty, vim ver essa materia e ja estou te seguindo.
Estou começando agora e o que vi por ai é bem diferente disso que li aqui.Fico contente em saber que esxitem Dominadores assim que se preocupam e cuidam da submissa e se dedicam a ela também.

Beijinhos
18 de março de 2011 14:49


Luna disse...
demais esse post! É fantástico poder ler o que um Dom pensa da relação D/S sobretudo quando expõe sua prática sem rodeios de forma direta e objetiva. Amei saber que existem dominadores com esse senso ético e responsabilidade em relação à sua Sub.

Parabéns a ele!!! E a você, Dorei, por nos trazer tanta inteligência e sensibilidade!

Saudades de vir aqui! Andei meio afastada por motivo de saúde, mas aos poucos estou voltando.

Beijos!
20 de março de 2011 12:04


Long Haired Lady disse...
eu não entendo dessas nomenclaturas, rs.
mas o meu amado é o meu mestre porque foi com ele que aprendi tudo, com ele aprendi o real significado de fazer amor. e com só com ele.
22 de março de 2011 08:21


aldrey disse...
Passando pra te deixar um beijo e uma linda semana..
bjs
22 de março de 2011 14:36


ઇ‍ઉ றαscαrαdα ઇ‍ઉ disse...
Dorei,

cheguei até seu blog através do Link posto no blog da Princess Kitty, pessoa linda que passou a me seguir e se fazer presente no meu cantinho.

E quando chego aqui para ler o depoimento do Dono dela, realmente fiquei impressionada, com tamanho cuidado e carinho que ele tem por sua Sub, no caso nossa amiga em questão.

Pouco conheço de BDSM, mas admiro quando vejo depoimentos como esse, pois realmente é um fato que a sociedade desconhece a prática, e alimenta um preconceito sem ao menos buscar saber sobre o BDSM.

Sou curiosa, gosto de ler e aprender sobre muitas coisas, e nesse depoimento do Dono, vi que D/s é um relacionamento de cuidado, zelo e carinho e não apenas de ordens e cumprimentos das mesma.

Parabéns amiga Princess por se sentir bem ao lado do teu Dono, que seja e esteja sempre feliz assim.

Obrigada a voces envolvidos pela oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a prática.

Beijo.
Masked
26 de março de 2011 01:17


Marcelle Silva disse...
Post maravilhoso!
21 de abril de 2011 01:33


Deh... disse...
olá Dorei, como vai vc? Hj vi seu blog pela primeira vez e confesso que adorei, não sou adepta ao BDSM, mas gosto muito de ler e me informar a respeito, acho o assunto muito interessante e respeito quem o faz. Gostei muito de tudo que vi aqui, nada mais enriquecedor do que a informação.
Fique bem....
Bjssss
16 de maio de 2011 19:11

princess kitty disse...

Comments postados originalmente no blog da Dorei Fobofílica:

Ana Casada disse...
passeando pleo blog da minha amada gatinha, vi este link e resolvi vir aqui ler..sabe é uma tema realmente muito pouco falado..mas o Sr. da bela princesa Kitty sabe muito bem " dominar " o assunto..adorei o post...

bjocas
ana casada
5 de julho de 2011 08:12


Yasmin Sub disse...
Muito boa a explanação do Dono da Kitty.

É bom ler um Dominador que pensante!!

E você está corretíssima em dividir conosco essa raridade.

Beijos

Yasmin
1 de novembro de 2012 07:41

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...