Já fui muitas coisas. Já estive tantas outras. Já mudei de opinião e me reinventei diversas vezes. Já acertei, já errei, disse coisas em que não acredito mais e acredito em outras que antes não acreditava. Não me envergonho de quem eu fui, de quem eu sou e de quem eu serei. Rio de mim mesma, amadureço, vivo! Hoje sou apenas um bichinho de estimação curioso, ávido por novas brincadeiras e desafios. Um bichinho que gosta de brincar, ronronar, se esfregar, mas que também arranha um pouquinho às vezes. Um bichinho que não sabe se definir, mas que com toda a certeza ainda sabe SENTIR. E eu sinto que eu não posso mais viver sem o BDSM na minha vida. Eu preciso vivê-lo intensamente. Eu preciso me entregar a esse fetiche, esse desejo, essa loucura, como quer que chamem, mas eu preciso. O tempo passa, as coisas e pessoas mudam, mas uma coisa prevalece em mim: Essa vontade que me consome, esse desejo em ter meu corpo dominado, minha mente subjugada, meus desejos cedidos a outro. E eu prossigo, me perdendo em labirintos, abrindo e fechando portas, tentando encontrar uma saída que me leve de encontro aos meus desejos mais secretos.=^.^=

Escrito por princess kitty

Dor por não sentir dor

Solidão BDSM
O momento se aproxima
Sinto a dor chegando
Meu corpo se dilacerando
Queimando
Ardendo
O grito que não escapa pela boca
A dor não sentida
A carne sufocada
Tremendo de desejo
Excitação que nunca chega
Que não se concretiza
Que angustia e tortura
Tortura a pele, a alma
Tortura por não sentir
Dor por não sentir dor
Vazio e frio que me ferem
Que me desesperam
Me sufocam
Ânsias e mais ânsias
Dores que nunca chegam
Um eterno desejar
Um nunca sentir
Uma dor que me mata
Castiga
Maltrata mais que qualquer chicote
Fere os meus sentidos
Dor por não sentir dor
Dor por não ser
Dor por nunca ter

princess kitty

É assim que me sinto, por desejar tanto e por ainda não ser, esse sim é o meu pior e mais terrível castigo. =^.^=

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...